Casa da Farmácia

Peso da Régua, Vila Real (Porto, Norte e Alto Douro, Portugal)

Sem avaliações
Aluguer por quartos
Pessoas 2 - 20
A Casa da Farmácia é uma casa centenária construída em 1904 tendo sido reconstruída pela nossa família para preservar as suas características mais carismáticas: a bela fachada em granito e as suas paredes em pedra; as suas varandas sobre o jardim e casario da vila de Armamar; a grande lareira e forno usados nos tempos antigos para fazer fumados; e o seu portão exclusivo, único da região com mais de 4 m de altura. O restauro da casa foi feito com esmero para manter o seu encanto rural e dota-la com todas as exigências de conforto dos tempos modernos.
Ler mais
A Casa da Farmácia tem um encantador pátio, repleto de flores e uma área lounge e bar equipada com TV plasma com canais de cabo, onde os hóspedes podem beber vinhos do Douro, relaxar, ler e jogar jogos de tabuleiro ou consola. Há também uma agradável sala de pequenos-almoços e jantares, bem como, 10 suites elegantemente decoradas e equipadas com WC privativo, aquecimento central, TV, ar condicionado e internet sem fios gratuita.

A Casa da Farmácia tem a melhor localização de Armamar, estando situada no centro histórico da vila e no coração do Douro (região classificada como património mundial pela UNESCO) a apenas alguns quilómetros do rio Douro, próximo de aldeias vinícolas, roteiros medievais e perto de locais repletos de história, cultura e interesse artístico. Esta localização privilegiada permite aos hóspedes da Casa da Farmácia acederem às belas vinhas e adegas e participarem em experiências de enoturismo e provas de vinho. Os hóspedes podem também visitar os encantadores pomares de maçã que fazem de Armamar a capital da maçã de montanha.

À chegada, os hóspedes da Casa da Farmácia são recebidos com uma degustação de cortesia de vinho do Porto e licores caseiros. O pequeno-almoço, que está incluído na tarifa do alojamento, é constituído por produtos caseiros e regionais de elevada qualidade dos quais destacamos o sumo de laranja natural, os doces e bolos caseiros elaborados pelas receitas antigas que datam do tempo dos nossos avós e o pão saloio tradicional da região.

Na Casa da Farmácia recebemo-lo com simpatia e dedicação e ajudamo-lo a descobrir a nossa região pois sugerimos rotas, passeios e organizamos programas à medida dos interesses dos nossos hóspedes. Venha e experimente…temos a certeza que irá voltar!
(ocultar)

Características

  • Exterior: Jardim,  Horta,  Terraço,  Móveis de jardim. 
  • Interior: Colecção de jogos,  Ar condicionado,  DVD ou vídeo,  Aparelhagem de música,  Máquina de lavar roupa,  Microondas,  Aquecimento,  Máquina de lavar loiça,  Sala de jantar,  Quartos com televisão,  Quartos com casa de banho,  Cozinha,  Casa de banho comum,  Lareira,  Televisão,  Biblioteca,  Sala de estar,  Zona de estacionamento. 
  • Serviços: Acesso internet,  Lavagem de roupa,  Passeios com guia,  Servem-se pequenos-almoços,  Bicicletas à disposição,  Berço disponível,  Documentação sobre a zona,  Servem-se almoços,  Servem-se jantares,  Actividades para crianças,  Venda de produtos locais,  WiFi grátis. 
  • Situação: Montanha,  Na zona urbana,  Acesso asfaltado,  Acesso sinalizado,  Acesso em transporte público,  Zona interior de banhos (rios, represas, etc.). 
A Casa da Farmácia de arquitectura rural do 1º quartel do séc. XX, em granito e madeira foi recuperada de modo a preservar as suas características originais, mas acrescentando-lhe todo o conforto para lhe proporcionar uma estadia inesquecível:
- 10 suites primorosamente decoradas e equipadas com wc privativo (a maioria com luz natural), aquecimento central, ar condicionado, TV  e internet wireless gratuita;
- Sala de pequenos almoços e jantares;
- Recanto de leitura e computador para uso dos hóspedes
- Sala de lazer (TV, filmes, canais cabo, música e jogos)
- Bar, para relaxar e provar fabulosos vinhos do Douro 
- Pátio repleto de charme colorido de flores, onde pode ouvir música e conversar enquanto degusta petiscos, tapas e montaditos feitos com produtos regionais de elevada qualidade  

A casa da Farmácia é ainda o local que procura para aquele dia especial.
Na sala de jantar elegantemente decorada ou no bar e/ou pátio poderá usufruir de um espaço para uma reunião mais intima com os seus familiares e amigos ou ainda para uma refeição romântica a dois.
Mediante reserva preparamos menus especiais de jantar.

(ocultar) Ler mais

Actividades

  • Terra: Bicicleta de montanha - BTT,  Escalada,  Multiaventura,  Paintball,  Percursos a cavalo,  Percursos gastronómicos,  Percursos Pedestres - Trekking,  Tiro ao alvo,  Enoturismo. 
  • Água: Descida de Rápidos,  Canoagem,  Rafting,  Percursos em barco,  Rapel,  Pesca. 
  • Workshops: Cursos e oficinas,  Fotografia,  Observação fauna e flora. 
Trabalhamos em parceria com operadores turísticos e podemos ajudar os nossos hóspedes a escolher locais a visitar, sejam eles quintas, miradouros, adegas, património, entre outras actividades.

Com os nossos parceiros e mediante reserva antecipada, organizamos várias actividades, entre as quais:

1) Cruzeiros no rio Douro

2) Comboio histórico a vapor
Viajar no Comboio Histórico a vapor é como fazer uma viagem no tempo. Num percurso à beira rio, marcado pela beleza da paisagem, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade, a carismática Locomotiva a Vapor 0186, construída em 1925 pela Henschel & Son, e as 5 carruagens históricas, percorrem a distância que vai da estação da Régua à Estação do Tua, numa viagem única ao passado.
 
De 30 de junho a 13 de outubro, todos os sábados e nos primeiros quatro domingos de setembro.

3) Visitas a quintas da região do Douro
Temos programas de visita a quintas produtoras de vinho do Douro, com provas de vinho ou programas das vindimas. Veja as nossas ofertas e contacte-nos para mais informações e reservas

4) Passeios equestres

5) Visitas a monumentos, museus e outros locais de interesse turístico
 
6) Passeios de bicicleta e BTT

7) Passeios em  veiculos todo o terreno

8) Passeios de rotas temáticas: 
- Rota das Quintas e dos vinhos do Douro: espumante (Caves da Murganheira), mesa (Quinta da Pacheca), moscatel (Adegas de Alijó ou Favaios), Porto (Quinta do Panascal);

- Rota dos Miradouros do Douro: margem direita – S. Leonardo de Galafura e Casal de Loivos; margem esquerda – S. Salvador do Mundo, S. Domingos.

- Rota de Cister: Mosteiro de Salzedas, Ponte da Ucanha, Mosteiro de S. João de Tarouca.

- Rota dos Santuários do Douro: Senhora da Lapa, Nossa Senhora dos Remédios, Rupestre de Panóias.

- Rota dos Castelos do Douro Sul e Côa: Lamego, Sernancelhe, Penedono, Meda, Longroiva, Marialva, Rodrigo.

- Rota das Gravuras Rupestres do Côa (Património da Humanidade): núcleos de Castelo Melhor, Canada do Inferno, Penascosa.

- Rota das Aldeias Vinhateiras: Salzedas, Ucanha, Provesende, Favaios, Trevões, Barcos.

- Rotas dos Miradouros: Miserela, S. Domingos, São Leonardo da Galafura

9) Percursos pedestres

10) Raids fotográficos

Além disso a Casa Da Farmácia oferece fantásticas interpretações ao vivo de fado e música popular portuguesa três vezes por semana.

(ocultar) Ler mais

Este alojamento não recebeu opiniões nos últimos 24 meses
Conhece este alojamento?


Avaliação por categorias

Limpieza
-
Acolhimento do proprietário
-
Arredores
-
Equipamento
-
Relação qualidade/preço
-
Qualidade do sono
-







Excelente

10 / 10
Excelente acolhimento do proprietário, só possivel porque gosta e tem prazer em receber! Recomendo também, a degustação das ementas propostas.
As instalações são de excelente qualidade, demonstrando o gosto que tiveram na recuperação do imóvel.
 

Em casal Data da estadia: 2013-02-14 Data do comentário: 2013-02-18

Resposta do proprietário
Srº Dias, agradecemos o seu comentário, o qual nos faz sentir realizados tanto a nível profissional como a nível pessoal.
Agradecemos, mais uma vez, a  sua preferência pela Casa da Farmácia.

Um fim-de-semana inesquecível

10 / 10
Edifício centenário em pedra  recuperado mantendo a traça original, todo o edifício climatizado, localização excelente no centro da vila. pequeno almoço e  jantar excelente com musica ambiente pelo que recomendo o jantar. Os proprietários Marlene e José são bastante atenciosos, José é um excelente cozinheiro. Sem duvida, um dos melhores fins de semana de sempre, pelo que voltaremos muito em breve.
 

Em casal Data da estadia: 2013-01-05 Data do comentário: 2013-01-12

Resposta do proprietário
Srª Beatriz, agradecemos o seu comentário, o qual nos faz sentir realizados tanto a nível profissional como a nível pessoal.
Agradecemos, mais uma vez, a  sua preferência pela Casa da Farmácia.

Uma jóia escondida

10 / 10
Fiquei alojada com um grupo de amigos na Casa da Farmácia e adoramos.
Uma casa linda, extremamente bem decorada, com pormenores que nos deixaram encantados.
O acolhimento é excelente desde o momento que entramos até à saída.
O pequeno almoço é de muita qualidade.
Além de tudo a casa está muito bem localizada, no centro de Armamar e é um optimo ponto de partida para explorar o Douro.
Ler mais
Passamos uns dias óptimos e já estamos a planear repetir!
(ocultar)

Grupo de amigos Data do comentário: 2013-01-06

Resposta do proprietário
Srª  Susana, agradecemos o seu comentário, o qual nos faz sentir realizados tanto a nível profissional como a nível pessoal.
Agradecemos, mais uma vez, a  sua preferência pela Casa da Farmácia. 

Marlene e José

Bastante Agradável

8 / 10
Gostamos muito do acolhimento e das instalações. Relativamente ao pacote passagem de ano,  existiu bastante diversidade gastronómica, incluindo pratos típicos da região, com direito a bom vinho e uma boa festa com ambiente familiar. 
Uma experiência a repetir...
 

Em casal Data da estadia: 2012-12-31 Data do comentário: 2013-01-03

Resposta do proprietário
Sr. João, agradecemos o seu comentário, o qual nos faz sentir realizados tanto a nível profissional como a nível pessoal.
Agradecemos, mais uma vez, a  sua preferência pela Casa da Farmácia. 

Marlene e José

Para voltar muito em breve

10 / 10
A Casa da Farmácia é exactamente aquilo que se procura quando se pensa em descanso em meio rural. Decoração com muito bom gosto, acolhedora e acolhimento fabuloso. Não poderia deixar de dar destaque ao pequeno almoço (variedade e produtos caseiros) e ao jantar, que foram 5 estrelas. 
A salinha da leitura e a sala das refeições fazem-nos sentir em casa.
 

Em casal Data da estadia: 2012-10-20 Data do comentário: 2012-10-21

Resposta do proprietário
Agradecemos o seu comentário, o qual nos faz sentir realizados tanto a nível profissional como a nível pessoal.
Agradecemos, mais uma vez, a  sua preferência pela Casa da Farmácia. 

Marlene e José

Ver opiniões em: espanhol (1).


O proprietário deste alojamento não actualizou o calendário de disponibilidade.

Incentive-o a completar a informação do seu alojamento desde o nosso formulário de aviso


Quartos Casa da Farmácia

01 Alecrim

pessoas 2

01 Alecrim

: 1 quarto duplo, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Pessoa adic./noite Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 75,00 € 75,00 € 150,00 € 450,00 € 1050,00 € 15,00 € Inclui pequeno-almoço

pessoas 2

09 Pinho

: 1 quarto duplo, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço
08 Mimosa

pessoas 2

08 Mimosa

: 1 quarto duplo, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço
07 Mangerico

pessoas 2

07 Mangerico

: 1 quarto duplo, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço
06 Lilás

pessoas 2

06 Lilás

: 1 quarto de casal, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 75,00 € 75,00 € 150,00 € 450,00 € 1050,00 € Inclui pequeno-almoço
05 Lavanda

pessoas 2

05 Lavanda

: 1 quarto de casal, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço
04 Jasmim

pessoas 2

04 Jasmim

: 1 quarto duplo, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço
03 Camélia

pessoas 2

03 Camélia

: 1 quarto de casal, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço

pessoas 2

02 Alfazema

: 1 quarto de casal, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 65,00 € 65,00 € 130,00 € 390,00 € 910,00 € Inclui pequeno-almoço
10 Rosmaninho

pessoas 2

10 Rosmaninho

: 1 quarto de casal, casa de banho

Temporada Data de início Data fim Mínimo noites Noite Noite fim-de-semana Fim-de-semana Semana Quinzena Regime
Temporada 1 11/mai/15 31/dez/16 1 75,00 € 75,00 € 150,00 € 450,00 € 1050,00 € Inclui pequeno-almoço
Os preços incluem o IVA

Mais informação

Quantia da reserva:
10.0  %
Restante pagamento:
Ao abandonar o alojamento 
Formas de pagamento:
Transferência bancária ,   Cartões de crédito ,   PayPal ,   Dinheiro  

Rua Miguel Bombarda Nº8 - 5110-139 Peso da RéguaPeso da Régua (Vila RealPorto, Norte e Alto Douro)

Mapa Mapa | Cálculo da rota Cálculo da rota

Indicações do propietário

Casa da Farmácia
Longitude: -7.69355010986328
Latitude:41.1089324951172

Vindo de Lisboa: 
Vir na direcção de Viseu, seguir a A24 por Castro Daire e sair depois de Lamego no nó de Valdigem. A partir deste ponto é só percorrer cerca de 10Km pela EN313 até Armamar.

Vindo do Porto:
Vir em direcção a Vila Real pela via A4 e IP4, depois entrar na A24 e sair logo a seguir à travessia do rio Douro na Régua, no nó de Valdigem. A partir deste ponto é só percorrer cerca de 10Km pela EN313 até Armamar.

Vindo de Castela (Madrid, Valladolid, Salamanca), e Sul ou Centro de Portugal vá até Viseu. Tome a A24 direcção Vila Real. Saia para Armamar.

Vindo da Galiza, Astúrias, Leão, Minho siga até Vila Real. Tome a A24 direcção Viseu. Saia para Armamar.

Uma vez chegado a Armamar a Casa da Farmácia está situada em pleno centro de Armamar, mesmo em frente ao jardim da Avenida Dr. António Oliveira Salazar, em que se destaca o monumento a Nossa Sra. de Fátima.

Lugares de interesse

  • a 0 km: Armamar 
    Armamar é o município de toda a região do Douro com mais quilómetros de fronteira com o leito do rio Douro. Santo Adrião, Vila Seca, Folgosa, Vacalar e Fontelo são as freguesias a norte do Município que confrontam com o Douro que, por sua vez, delimita a fronteira do Município de Armamar e do Distrito de Viseu. Estas povoações centram a sua actividade na agricultura, nomeadamente na produção de vinho e de azeite. Diversos costumes estão intimamente relacionados com esta proximidade ao rio. Da foz do rio Tedo até perto da Barragem de Bagaúste a paisagem norte do Município é marcada pelo maravilhoso anfiteatro das vinhas onde se cultivam e produzem os vinhos durienses, com especial destaque para o mundialmente conhecido Vinho do Porto. Pela beleza da paisagem e a importância dos vinhos únicos nela produzidos, a região do Douro à qual Armamar pertence foi eleita pela UNESCO como património mundial. Subir e descer as encostas do Douro em Armamar é por isso ir ao encontro do berço da produção do famoso Vinho do Porto, inicialmente a cargo dos monges cistercienses na Quinta dos Frades. A paisagem sul do Município é marcada por extensos pomares de macieiras que dão a esta zona próxima do Douro um contraste único. O solo xistoso que predomina a Norte dá lugar ao granito. Os vinhedos são substituídos por plantações igualmente extensivas, mas agora o que se vê são pomares de macieiras a perder de vista, que atingem grande beleza na época da floração e uma mescla de aromas inebriantes, quando os frutos estão maduros. Armamar é um dos maiores produtores nacionais de maçã e esta representa uma das mais importantes fontes de rendimento da população. A qualidade da maçã de Armamar é reconhecida a nível nacional e o seu peso na economia da região é relevante. O clima e o solo combinam-se na perfeição para aqui crescerem árvores de diversas qualidades. Com cerca de 1400 ha de área plantada, colhem-se por ano uma média de 50 mil toneladas de maçãs. A fruticultura é a razão pela qual Armamar é conhecida como a Capital da Maçã de Montanha.
  • a 1 km: Igreja românica de Armamar 
    A igreja Matriz de Armamar, de origem românica, está classificada de Monumento Nacional. Está situada em pleno centro da vila e foi erguida em homenagem a S. Miguel, no século XIII, por ordem de Egas Moniz.
  • a 1 km: Miradouro da Miserela 
    Fica em plena vila de Armamar, junto da igreja matriz. Daqui se pode ver bem lá em baixo a povoação de S. Joaninho situado num pequeno vale, onde no verão as temperaturas facilmente atingem os 40 graus centígrados. Mais em frente na paisagem surge o vale do Douro, lá ao fundo no horizonte a serra do Marão. Junto a este miradouro está a cascata da Misarela, bonito lugar que o imaginário popular encheu de contos e lendas. Mas se quiser observar melhor este monumento natural, o melhor mesmo será descer a estrada municipal que liga a sede do Município ao S. Joaninho e Vacalar.
  • a 4 km: Miradouro de São Domingos 
    Do monte de S. Domingos, em Fontelo, pode apreciar-se em toda a sua beleza um belíssimo quadro da paisagem duriense. O miradouro de S. Domingos é mesmo considerado o mais espectacular em todo o Douro. Daqui se contemplam os Municípios de Lamego, Tarouca, Resende, Mesão Frio, Régua, Santa Marta de Penaguião, Vila Real, entre outros. O espectáculo das quintas que enquadram o rio Douro de um lado e doutro é extraordinário. Mesmo à nossa frente vê-se a imponente Serra do Marão que, para quem vem do litoral norte, é uma autêntica porta de entrada na região de Trás-os-Montes e Alto Douro. Aos pés deste miradouro vê-se a Régua, cidade emblemática do Douro e da produção dos vinhos do Douro. Se olharmos mais para a esquerda vemos também a Serra das Meadas e mais em baixo a cidade de Lamego, muito conhecida pela sua romaria a Nossa Senhora dos Remédios em Setembro, cujo santuário é possível vislumbrar com a sua bonita escadaria que sobe da cidade até lá acima.
  • a 27 km: Miradouro de São Leonardo da Galafura 
    Entre o Peso da Régua e o Pinhão, saia em Covalinhas para chegar ao alto de São Leonardo e à respetiva capela. Deste sítio, conhecido por ter inspirado Miguel Torga, pode vislumbrar o vale do Douro. Deslumbre-se com o rio, lá no fundo, a correr lentamente para a foz, as encostas rugosas e os picos aguçados, e o verdejante das vinhas mais próximas.
  • a 11 km: Mosteiro de Salzedas 
    Este Mosteiro, pertenceu à Ordem dos monges Bernardos. Geralmente afirma-se que o Mosteiro foi fundado no ano de 1167. Anos antes, porém, já ele tinha monges e abade. A Carta de Afonso Henriques, datada de 1163, pela qual doa o Couto de Algeriz a Teresa Afonso para que esta por sua vez o ofereça ao mosteiro de Salzedas, afirma que o possuam os que aí habitam sob a regra de S. Bento. E pela Carta de doação da Igreja de S. Martinho de Gaia, datada do mesmo ano, D. Afonso Henriques oferece esta mesma Igreja ao Abade João Nunes e seus sucessores. Destas doações se vê que em 1163, em Salzedas, já havia um Mosteiro com monges e abade que devia ter levado tempo a organizar-se. D. Teresa, mãe de Afonso Henriques, viveu algum tempo em Salzedas, tendo como aia de seu filho, ainda infante, Teresa Afonso. As generosidades do nosso primeiro Rei para com o Mosteiro inspirou-as certamente a lembrança dos tempos que ali passou, e é o que parece deduzir-se da Carta de doação do Couto ao Mosteiro e Monges.
  • a 11 km: Igreja de Salzedas 
    Igreja elegante e espaçosa, ergue-se ao Sul da povoação de Salzedas, sobre o leito do rio Torno. A sua origem remonta à data da edificação do Mosteiro, ao lado de cujas ruínas se ergue. A sua primitiva traça deve-se a D. Teresa Afonso, segunda mulher de Egas Moniz, que, para não violar a clausura e, querendo comungar dentro dela, pediu e obteve licença para isso do Papa Adriano IV. Tanto o Mosteiro como esta Igreja devem-se a esta senhora piedosa e de génio empreendedor. Numa parte, a mais antiga, domina o românico e o gótico. Nos séculos XVII e XVIII sofreu uma profunda remodelação, em que perdeu as características de origem. Inspirou-a a época de D. João V, em que a grandeza e a pompa escravizaram o bom gosto. Depois a escola pombalina dominou o frontispício a as torres. Mais modernas do que o resto do edifício, nunca chegaram a concluir-se, ficando incompletas, as suas torres de lindos corucheus e minaretes, pelas convulsões que as invasões napoleónicas espalharam no país. Hoje está inscrito como monumento Nacional.
  • a 19 km: Santuário de Nossa Senhora dos Remédios 
    O santuário de Nossa Senhora dos Remédios, em Lamego, começou a ser construído em 1750, para ser terminado em 1905, ocupando o monte onde existiu desde o século XIV, uma capela dedicada a Santo Estêvão. Com o tempo, a devoção a Santo Estêvão foi decaindo e cresceu a dedicação à virgem, que era o alvo das preces de quem padecia de males e necessitava de ajuda, dando origem desta forma à devoção à Senhora dos Remédios. O Santuário de Nossa Senhora dos Remédios é uma das grandes marcas da cidade, dominando a cidade do alto de um monte vizinho. A ligação a Lamego faz-se através de nove lanços de escadas, intercalados por patamares, num total de 686 degraus que arrancam do centro da cidade. O culto da Senhora dos Remédios tem muitos séculos e motiva uma das grandes romarias do norte de Portugal, de 26 de Agosto a 11 de Setembro. O parque que rodeia a igreja é merecedor de visita e proporciona belas vistas sobre a cidade.
  • a 14 km: Torre e Ponte de Ucanha 
    A Torre e Ponte de Ucanha são duas jóias do Património Nacional e constituem, no seu género, exemplares raros em Portugal. À ponte deve Ucanha o primitivo nome de Vila da Ponte, conforme confirmação do Papa Inocêncio do ano 1209. A ponte, para vários autores, entre os quais José Leite de Vasconcelos, revela pormenores do século XIII. No entanto, alguns vêm a sua construção como obra de 1155; outros datam-na de 1234, admitindo que anteriormente o Varosa fosse naquele ponto, atravessado por uma ponte de madeira. A ponte, tem quatro arcos ogivais, o maior de 12 metros de altura e 10 metros de largura. Por sobre eles um tabuleiro de trânsito em ângulo obtuso, longo conforme a largura das margens do rio; no intradorso do arco maior ainda os agulheiros das cambotas, características das pontes medievais e silhares lisos de granito da região, dispostos em fiadas regulares.
  • a 15 km: Museu do Douro 
    Museu do Douro, fundada em 31 de Agosto de 1756 por Marquês de Pombal, cuja função primordial foi a demarcação das vinhas que poderiam produzir vinho do Porto, fazendo nascer a primeira região demarcada e regulamentada do mundo: a Região Demarcada do Douro; e a Casa do Douro criada em 1932 como entidade reguladora dos vinhos da região e que, no seu interior, podemos admirar um tríptico de vitrais da autoria do mestre Lino António que retratam a labuta diária da vinha na região duriense
  • a 20 km: Mosteiro Cisterciense de S. João de Tarouca 
    O Mosteiro de São João de Tarouca é um Monumento Nacional localizado na encosta da Serra de Leomil, ergue-se num grande vale, ao fundo do qual corre o rio Varosa. Inicialmente foi um ermitério mas, em 1152, após a vitória de D. Afonso Henriques sobre os mouros em Trancoso, foi lançada a primeira pedra da igreja conventual cisterciense. O mosteiro foi o primeiro a ser construído no país pela Ordem de Cister. O dormitório novo e torre sineira foram construídos no século XVI. A última fase das obras de ampliação do mosteiro decorreu no século XIX. Em 1938 seriam restaurados os retábulos, nomeadamente o de São Pedro, atribuído a Grão Vasco. Nesta abadia repousa D. Pedro Afonso, um dos filhos bastardos do rei D. Dinis, num enorme sarcófago em pedra de granito encimada pela estátua jacente e decorado com cenas de caça.

33.75€ pessoa por noite (aprox.)


Contacte sem compromisso


  • Na Toprural desde 2012-08-25
  • Com licença de utilização para Turismo
  • (Nº de licença 62/2001)

* Campos obrigatórios

Recomendado


  • Mais de 5 opiniões
  • Mais dum ano de antiguedade na Toprural
  • Uma avaliação média de pelo menos 9

Contato com o proprietário